Immune Blue - Vitaminas e Minerais com Extrato de Própolis Verde

Cód:
IMMUNE


Aproveite as ofertas! Comprando em maiores quantidades, além de garantir um consumo continuo para melhores resultados, o preço fica ainda melhor!

2 FRASCOS iguais desconto de 10%!
4 FRASCOS iguais desconto de 25%!
12 FRASCOS iguais desconto de 33%!

Oferecemos frete grátis nas compras acima de R$ 299,90. Além de parcelamento em até 6X sem juros ou 5% de desconto para pagamentos à vista.

- Produto novo, lacrado e original.

- Qualidade e entrega garantida!

Todos os Produtos

Por: R$ 59,90ou X de

    Informações sobre o produto

    ImmuneBlue


    ImmuneBlue é um suplemento especialmente desenvolvido para auxiliar no aumento da imunidade.


    Possui em sua composição vitaminas, minerais e extrato de própolis verde, substâncias que agem fortalecendo as defesas naturais do organismo e reduzindo os danos oxidativos causados pelos radicais livres.


    Dessa forma, contribui para a prevenção e combate a infecções, gripes e resfriados, além de auxiliar no bom funcionamento do organismo.


    O que é ImmuneBlue?


    O suplemento ImmuneBlue oferece ao organismo nutrientes fundamentais para manter o sistema imune fortalecido, para que ele possa proteger o organismo da invasão de agentes patogênicos.


    A fórmula exclusiva do ImmuneBlue combina nutrientes especiais em dosagem equilibrada que permite seu uso diário, ideal para manter a saúde do sistema imunológico.


    O suplemento é composto por vitaminas do complexo B, C, A e D, minerais e extrato de própolis verde super. Estas substâncias têm ações anti-inflamatórias e antioxidantes, que promovem o aumento da resistência do organismo.


    Para que serve o suplemento ImmuneBlue?


    O ImmuneBlue é indicado como um auxiliar para turbinar a imunidade ao fornecer uma seleção de vitaminas e minerais, além do própolis, contribuir com a manutenção da saúde em geral.


    A imunidade pode ser definida como o conjunto de mecanismos de defesa do organismo contra os elementos estranhos, tais como bactérias, fungos, vermes e vírus, por exemplo.


    Quanto mais fortalecido está o sistema imunológico, melhor será a resposta natural do organismo a esses agentes patógenos.


    Pelo contrário, quando a imunidade está baixa, o corpo não consegue se proteger adequadamente e mais suscetível às doenças essa pessoa fica e pode levar mais tempo para se recuperar.


    Infecções, gripes e resfriados constantes pode ser sinal de que o sistema imune está enfraquecido.


    Ao identificar esse baixa imunidade é essencial agir para fortalecer as defesas do corpo.


    Algumas atitudes simples podem contribuir para aumentar a imunidade, como melhorar a sua alimentação, manter o corpo hidratado e praticar exercícios físicos regularmente.


    Outra opção, principalmente quando não é possível oferecer níveis adequados de nutrientes somente com a dieta, é o uso de suplementos.


    Entre os suplementos disponíveis está o ImmuneBlue. Sua fórmula foi especialmente pensada para fornecer substâncias capazes de auxiliar na melhora do sistema imunológico e assim, deixá-lo mais forte para combater os agentes externos.


    O ImmuneBlue contém justamente as vitaminas e minerais que auxiliam o sistema imunológico, deixando-o mais forte para combater diversas doenças.


    Compre agora o seu suplemento ImmuneBlue e forneça o “up” de imunidade que seu corpo precisa.


    Receba o produto na sua casa, com a segurança e qualidade da marca Nutriblue.

    Aproveite as nossas promoções para quem compra em maiores quantidades. Assim, você garante o uso contínuo do suplemento e ainda paga mais barato!

    Kits Promocionais!

    Kit com 02 unidades do mesmo produto: 10% de desconto
    Kit com 04 unidades iguais: Leve 4 e Pague somente por 3 unidades!
    Kit com 12 unidades iguais: Leve 12 e Pague Somente por 8 unidades!

    Produto novo, validade próxima a 2 anos. Trabalhamos com lotes pequenos para ter sempre um produto novo para você!

    Todos os produtos vendidos em nosso site possuem GARANTIA DE QUALIDADE, LAUDO TÉCNICO e são REGISTRADOS NA ANVISA.

    Registro no ministério da saúde: Produto dispensado do registro no ministério da saúde, conforme RDC 240/2018

    Aproveite o frete grátis nas compras acima de R$ 299,90. Além de parcelamento em até 6X sem juros ou 5% de desconto para pagamentos à vista.

    Modo de consumo

    Especificações

    Modo de Consumo

    Como tomar?


    Recomenda-se ingerir 2 cápsulas ao dia, preferencialmente antes das principais refeições ou conforme orientação de médico ou nutricionista.

    Contraindicações:


    Uso adulto. Não deve ser consumido por gestantes, lactante e crianças.

    Composição:


    O suplemento ImmuneBlue é composto por nutrientes que possuem estreita ligação com a melhora do funcionamento do sistema imune. São eles:


    Extrato de própolis verde; Vitamina C; Niacinamida (Vitamina B3); Ácido Pantotênico (Vitamina B5); Piridoxina (vitamina B6); Riboflavina (Vitamina B2); Tiamina (Vitamina B1); Retinol; (Vitamina A); Vitamina D3; Ácido Fólico (Vitamina B9); Selênio; Zinco; Biotina (Vitamina B7); Cianocobalamina (Vitamina B12).

    Benefícios

    Benefícios do ImmuneBlue


    O ImmuneBlue oferece a nutrição essencial para auxiliar o sistema imunológico humano e manter a integridade das defesas do organismo.


    Seu uso diário ajuda a aumentar a resistência natural, prevenir o aparecimento de doenças e auxiliar na saúde geral.


    Principais benefícios do ImmuneBlue:


    - Manter a integridade do sistema imunológico;


    - Prevenir alergias;


    - Prevenir o aparecimento de doenças oportunistas;


    - Melhorar os sintomas de gripes e resfriados;


    - Ajudar na melhora da disposição;


    - Contribuir para a saúde geral.


    Veja como age cada um dos componentes do ImmuneBlue:


    Própolis Verde


    A própolis é considerada um método de defesa natural. Originalmente, atua na proteção da colmeia contra insetos invasores e microrganismos.


    Nos humanos, é um dos muitos produtos naturais mais utilizados e indicados para melhorar a saúde.


    Objeto de diversos estudos farmacológicos e químicos, a própolis é considerada antibacteriana, antifúngica, antiviral, anti-inflamatória, hepatoprotetora, antioxidante, antitumoral e imunomodulatória.


    Estudo de Sy et al. Demonstrou que o extrato de própolis atenua as inflamações das vias aéreas em ratos, provavelmente por estimular a resposta imunológica humoral e celular.


    Em revisão bibliográfica, a atividade da própolis no sistema imunológico foi descrita como ativadora de macrófagos, estimulação de anticorpos e outros mecanismos envolvidos ainda não completamente estabelecidos.


    Vitamina C


    A vitamina C (ácido ascórbico) auxilia no aumento da imunidade e da resistência a infecções. Estudos mostram o efeito da sua suplementação com posterior melhora da função imunológica.


    É também um antioxidante que auxilia na proteção das células aos danos causados pelos radicais livres.


    Outras funções relacionadas à vitamina C são auxiliar na absorção intestinal de ferro, síntese do colágeno e cicatrização.


    Niacinamida (Vitamina B3)


    A vitamina B3 (Niacina) auxilia no metabolismo de lipídios, carboidratos e proteínas, bem como no metabolismo energético e manutenção de mucosas.


    Ácido Pantotênico (Vitamina B5)


    A vitamina B5 (Ácido Pantotênico) auxilia no metabolismo energético e participa da síntese de hormônios esteroides, neurotransmissores, glóbulos vermelhos.


    A deficiência dessa vitamina leva à redução da resposta antigênica, tanto humoral como celular.


    Piridoxina (vitamina B6) 


    A vitamina B6 (Piridoxina) auxilia no metabolismo energético, na formação das células vermelhas do sangue e também participa na melhora do funcionamento do sistema imune.


    A falta conjunta da vitamina B6 e B5 pode resultar em inibição quase completa da imunidade que é revertida com a suplementação das mesmas.


    Riboflavina (Vitamina B2)


    A vitamina B2 (Riboflavina) auxilia no metabolismo energético, na formação de células vermelhas do sangue, metabolismo do ferro.


    É também um antioxidante que auxilia a proteger as células dos danos causados pelos radicais livres.


    A riboflavina ainda auxilia na visão e contribui para a manutenção da pele e de mucosas.


    Tiamina (Vitamina B1)


    A vitamina B1 (Tiamina) auxilia no metabolismo energético e tem papel no bom funcionamento das células nervosas e do cérebro.


    Retinol (Vitamina A)


    A vitamina A (Retinol) auxilia no funcionamento da visão e do sistema imune, além de contribuir para o metabolismo do ferro e manutenção das mucosas.


    Sua deficiência está associada ao aumento da susceptibilidade às infecções em geral pela quebra de barreira anatômica, o que favorece a penetração de agentes infecciosos.


    Conforme estudo, há evidências de que a suplementação de vitamina A pode reduzir de 23% a 30% o risco de morte em crianças, além de atenuar a gravidade do quadro de sarampo e diarreia. 


    Vitamina D3


    A vitamina D auxilia fisiologia osteomineral, contribuindo para a formação de ossos e dentes saudáveis. Uma das suas principais ações é na regulação do metabolismo do cálcio e fósforo.


    Porém, esta vitamina atua em uma variedade de processos que incluem o funcionamento muscular, processo de divisão celular e auxiliar na melhora funcionamento do sistema imune.


    Acredita-se que a forma ativa da vitamina D tenha efeitos imunomoduladores, sobretudo nos linfócitos T e na produção e ação de diversas citocinas.


    Estudos têm relacionado a deficiência dessa vitamina com várias doenças autoimunes, tais como diabetes mellitus insulino-dependente (DMID), esclerose múltipla (EM), doença inflamatória intestinal (DII), lúpus eritematoso sistêmico (LES) e artrite reumatoide (AR). 


    Ácido Fólico (Vitamina B9)


    A Vitamina B9 (Ácido Fólico) é necessária para a formação do tubo neural do feto durante a gravidez e auxilia no processo da multiplicação celular.


    Ele também auxilia na formação das células vermelhas do sangue e no funcionamento do sistema imune.


    Sua deficiência implica na redução da formação de anticorpos e replicação de linfócitos.


    Selênio


    O selênio é um mineral antioxidante que auxilia a atenuar os danos causados pelos radicais livres e no bom funcionamento do sistema imune.


    Zinco


    O zinco é um mineral necessário para várias funções bioquímicas e com propriedade antioxidante. Ele auxilia no processo de divisão celular, manutenção de ossos, síntese proteica e auxilia no funcionamento do sistema imune.


    Biotina (Vitamina B7)


    A biotina, também conhecida como vitamina B7 ou H, auxilia no metabolismo energético e na manutenção das mucosas.


    Cianocobalamina (Vitamina B12)


    A vitamina B12 (Cianocobalamina) auxilia no metabolismo energético, no processo de divisão celular, na formação de células vermelhas do sangue e funcionamento do sistema imune.


    A resposta imune depende da replicação de células de defesa e da síntese de compostos ativos. Estes, por sua vez, possuem forte ligação com o estado nutricional.


    Por isso, é necessário que os nutrientes corretos sejam ofertados ao organismo, para que ele possa, de forma natural, reforçar suas defesas contra agentes patógenos.

    Tabela nutricional

    immune-blue

    Benefícios

    Especificações

    Modo de Consumo

    Como tomar?


    Recomenda-se ingerir 2 cápsulas ao dia, preferencialmente antes das principais refeições ou conforme orientação de médico ou nutricionista.

    Contraindicações:


    Uso adulto. Não deve ser consumido por gestantes, lactante e crianças.

    Composição:


    O suplemento ImmuneBlue é composto por nutrientes que possuem estreita ligação com a melhora do funcionamento do sistema imune. São eles:


    Extrato de própolis verde; Vitamina C; Niacinamida (Vitamina B3); Ácido Pantotênico (Vitamina B5); Piridoxina (vitamina B6); Riboflavina (Vitamina B2); Tiamina (Vitamina B1); Retinol; (Vitamina A); Vitamina D3; Ácido Fólico (Vitamina B9); Selênio; Zinco; Biotina (Vitamina B7); Cianocobalamina (Vitamina B12).

    Benefícios

    Benefícios do ImmuneBlue


    O ImmuneBlue oferece a nutrição essencial para auxiliar o sistema imunológico humano e manter a integridade das defesas do organismo.


    Seu uso diário ajuda a aumentar a resistência natural, prevenir o aparecimento de doenças e auxiliar na saúde geral.


    Principais benefícios do ImmuneBlue:


    - Manter a integridade do sistema imunológico;


    - Prevenir alergias;


    - Prevenir o aparecimento de doenças oportunistas;


    - Melhorar os sintomas de gripes e resfriados;


    - Ajudar na melhora da disposição;


    - Contribuir para a saúde geral.


    Veja como age cada um dos componentes do ImmuneBlue:


    Própolis Verde


    A própolis é considerada um método de defesa natural. Originalmente, atua na proteção da colmeia contra insetos invasores e microrganismos.


    Nos humanos, é um dos muitos produtos naturais mais utilizados e indicados para melhorar a saúde.


    Objeto de diversos estudos farmacológicos e químicos, a própolis é considerada antibacteriana, antifúngica, antiviral, anti-inflamatória, hepatoprotetora, antioxidante, antitumoral e imunomodulatória.


    Estudo de Sy et al. Demonstrou que o extrato de própolis atenua as inflamações das vias aéreas em ratos, provavelmente por estimular a resposta imunológica humoral e celular.


    Em revisão bibliográfica, a atividade da própolis no sistema imunológico foi descrita como ativadora de macrófagos, estimulação de anticorpos e outros mecanismos envolvidos ainda não completamente estabelecidos.


    Vitamina C


    A vitamina C (ácido ascórbico) auxilia no aumento da imunidade e da resistência a infecções. Estudos mostram o efeito da sua suplementação com posterior melhora da função imunológica.


    É também um antioxidante que auxilia na proteção das células aos danos causados pelos radicais livres.


    Outras funções relacionadas à vitamina C são auxiliar na absorção intestinal de ferro, síntese do colágeno e cicatrização.


    Niacinamida (Vitamina B3)


    A vitamina B3 (Niacina) auxilia no metabolismo de lipídios, carboidratos e proteínas, bem como no metabolismo energético e manutenção de mucosas.


    Ácido Pantotênico (Vitamina B5)


    A vitamina B5 (Ácido Pantotênico) auxilia no metabolismo energético e participa da síntese de hormônios esteroides, neurotransmissores, glóbulos vermelhos.


    A deficiência dessa vitamina leva à redução da resposta antigênica, tanto humoral como celular.


    Piridoxina (vitamina B6) 


    A vitamina B6 (Piridoxina) auxilia no metabolismo energético, na formação das células vermelhas do sangue e também participa na melhora do funcionamento do sistema imune.


    A falta conjunta da vitamina B6 e B5 pode resultar em inibição quase completa da imunidade que é revertida com a suplementação das mesmas.


    Riboflavina (Vitamina B2)


    A vitamina B2 (Riboflavina) auxilia no metabolismo energético, na formação de células vermelhas do sangue, metabolismo do ferro.


    É também um antioxidante que auxilia a proteger as células dos danos causados pelos radicais livres.


    A riboflavina ainda auxilia na visão e contribui para a manutenção da pele e de mucosas.


    Tiamina (Vitamina B1)


    A vitamina B1 (Tiamina) auxilia no metabolismo energético e tem papel no bom funcionamento das células nervosas e do cérebro.


    Retinol (Vitamina A)


    A vitamina A (Retinol) auxilia no funcionamento da visão e do sistema imune, além de contribuir para o metabolismo do ferro e manutenção das mucosas.


    Sua deficiência está associada ao aumento da susceptibilidade às infecções em geral pela quebra de barreira anatômica, o que favorece a penetração de agentes infecciosos.


    Conforme estudo, há evidências de que a suplementação de vitamina A pode reduzir de 23% a 30% o risco de morte em crianças, além de atenuar a gravidade do quadro de sarampo e diarreia. 


    Vitamina D3


    A vitamina D auxilia fisiologia osteomineral, contribuindo para a formação de ossos e dentes saudáveis. Uma das suas principais ações é na regulação do metabolismo do cálcio e fósforo.


    Porém, esta vitamina atua em uma variedade de processos que incluem o funcionamento muscular, processo de divisão celular e auxiliar na melhora funcionamento do sistema imune.


    Acredita-se que a forma ativa da vitamina D tenha efeitos imunomoduladores, sobretudo nos linfócitos T e na produção e ação de diversas citocinas.


    Estudos têm relacionado a deficiência dessa vitamina com várias doenças autoimunes, tais como diabetes mellitus insulino-dependente (DMID), esclerose múltipla (EM), doença inflamatória intestinal (DII), lúpus eritematoso sistêmico (LES) e artrite reumatoide (AR). 


    Ácido Fólico (Vitamina B9)


    A Vitamina B9 (Ácido Fólico) é necessária para a formação do tubo neural do feto durante a gravidez e auxilia no processo da multiplicação celular.


    Ele também auxilia na formação das células vermelhas do sangue e no funcionamento do sistema imune.


    Sua deficiência implica na redução da formação de anticorpos e replicação de linfócitos.


    Selênio


    O selênio é um mineral antioxidante que auxilia a atenuar os danos causados pelos radicais livres e no bom funcionamento do sistema imune.


    Zinco


    O zinco é um mineral necessário para várias funções bioquímicas e com propriedade antioxidante. Ele auxilia no processo de divisão celular, manutenção de ossos, síntese proteica e auxilia no funcionamento do sistema imune.


    Biotina (Vitamina B7)


    A biotina, também conhecida como vitamina B7 ou H, auxilia no metabolismo energético e na manutenção das mucosas.


    Cianocobalamina (Vitamina B12)


    A vitamina B12 (Cianocobalamina) auxilia no metabolismo energético, no processo de divisão celular, na formação de células vermelhas do sangue e funcionamento do sistema imune.


    A resposta imune depende da replicação de células de defesa e da síntese de compostos ativos. Estes, por sua vez, possuem forte ligação com o estado nutricional.


    Por isso, é necessário que os nutrientes corretos sejam ofertados ao organismo, para que ele possa, de forma natural, reforçar suas defesas contra agentes patógenos.

    Tabela nutricional

    immune-blue

    Tabela nutricional

    Especificações

    Modo de Consumo

    Como tomar?


    Recomenda-se ingerir 2 cápsulas ao dia, preferencialmente antes das principais refeições ou conforme orientação de médico ou nutricionista.

    Contraindicações:


    Uso adulto. Não deve ser consumido por gestantes, lactante e crianças.

    Composição:


    O suplemento ImmuneBlue é composto por nutrientes que possuem estreita ligação com a melhora do funcionamento do sistema imune. São eles:


    Extrato de própolis verde; Vitamina C; Niacinamida (Vitamina B3); Ácido Pantotênico (Vitamina B5); Piridoxina (vitamina B6); Riboflavina (Vitamina B2); Tiamina (Vitamina B1); Retinol; (Vitamina A); Vitamina D3; Ácido Fólico (Vitamina B9); Selênio; Zinco; Biotina (Vitamina B7); Cianocobalamina (Vitamina B12).

    Benefícios

    Benefícios do ImmuneBlue


    O ImmuneBlue oferece a nutrição essencial para auxiliar o sistema imunológico humano e manter a integridade das defesas do organismo.


    Seu uso diário ajuda a aumentar a resistência natural, prevenir o aparecimento de doenças e auxiliar na saúde geral.


    Principais benefícios do ImmuneBlue:


    - Manter a integridade do sistema imunológico;


    - Prevenir alergias;


    - Prevenir o aparecimento de doenças oportunistas;


    - Melhorar os sintomas de gripes e resfriados;


    - Ajudar na melhora da disposição;


    - Contribuir para a saúde geral.


    Veja como age cada um dos componentes do ImmuneBlue:


    Própolis Verde


    A própolis é considerada um método de defesa natural. Originalmente, atua na proteção da colmeia contra insetos invasores e microrganismos.


    Nos humanos, é um dos muitos produtos naturais mais utilizados e indicados para melhorar a saúde.


    Objeto de diversos estudos farmacológicos e químicos, a própolis é considerada antibacteriana, antifúngica, antiviral, anti-inflamatória, hepatoprotetora, antioxidante, antitumoral e imunomodulatória.


    Estudo de Sy et al. Demonstrou que o extrato de própolis atenua as inflamações das vias aéreas em ratos, provavelmente por estimular a resposta imunológica humoral e celular.


    Em revisão bibliográfica, a atividade da própolis no sistema imunológico foi descrita como ativadora de macrófagos, estimulação de anticorpos e outros mecanismos envolvidos ainda não completamente estabelecidos.


    Vitamina C


    A vitamina C (ácido ascórbico) auxilia no aumento da imunidade e da resistência a infecções. Estudos mostram o efeito da sua suplementação com posterior melhora da função imunológica.


    É também um antioxidante que auxilia na proteção das células aos danos causados pelos radicais livres.


    Outras funções relacionadas à vitamina C são auxiliar na absorção intestinal de ferro, síntese do colágeno e cicatrização.


    Niacinamida (Vitamina B3)


    A vitamina B3 (Niacina) auxilia no metabolismo de lipídios, carboidratos e proteínas, bem como no metabolismo energético e manutenção de mucosas.


    Ácido Pantotênico (Vitamina B5)


    A vitamina B5 (Ácido Pantotênico) auxilia no metabolismo energético e participa da síntese de hormônios esteroides, neurotransmissores, glóbulos vermelhos.


    A deficiência dessa vitamina leva à redução da resposta antigênica, tanto humoral como celular.


    Piridoxina (vitamina B6) 


    A vitamina B6 (Piridoxina) auxilia no metabolismo energético, na formação das células vermelhas do sangue e também participa na melhora do funcionamento do sistema imune.


    A falta conjunta da vitamina B6 e B5 pode resultar em inibição quase completa da imunidade que é revertida com a suplementação das mesmas.


    Riboflavina (Vitamina B2)


    A vitamina B2 (Riboflavina) auxilia no metabolismo energético, na formação de células vermelhas do sangue, metabolismo do ferro.


    É também um antioxidante que auxilia a proteger as células dos danos causados pelos radicais livres.


    A riboflavina ainda auxilia na visão e contribui para a manutenção da pele e de mucosas.


    Tiamina (Vitamina B1)


    A vitamina B1 (Tiamina) auxilia no metabolismo energético e tem papel no bom funcionamento das células nervosas e do cérebro.


    Retinol (Vitamina A)


    A vitamina A (Retinol) auxilia no funcionamento da visão e do sistema imune, além de contribuir para o metabolismo do ferro e manutenção das mucosas.


    Sua deficiência está associada ao aumento da susceptibilidade às infecções em geral pela quebra de barreira anatômica, o que favorece a penetração de agentes infecciosos.


    Conforme estudo, há evidências de que a suplementação de vitamina A pode reduzir de 23% a 30% o risco de morte em crianças, além de atenuar a gravidade do quadro de sarampo e diarreia. 


    Vitamina D3


    A vitamina D auxilia fisiologia osteomineral, contribuindo para a formação de ossos e dentes saudáveis. Uma das suas principais ações é na regulação do metabolismo do cálcio e fósforo.


    Porém, esta vitamina atua em uma variedade de processos que incluem o funcionamento muscular, processo de divisão celular e auxiliar na melhora funcionamento do sistema imune.


    Acredita-se que a forma ativa da vitamina D tenha efeitos imunomoduladores, sobretudo nos linfócitos T e na produção e ação de diversas citocinas.


    Estudos têm relacionado a deficiência dessa vitamina com várias doenças autoimunes, tais como diabetes mellitus insulino-dependente (DMID), esclerose múltipla (EM), doença inflamatória intestinal (DII), lúpus eritematoso sistêmico (LES) e artrite reumatoide (AR). 


    Ácido Fólico (Vitamina B9)


    A Vitamina B9 (Ácido Fólico) é necessária para a formação do tubo neural do feto durante a gravidez e auxilia no processo da multiplicação celular.


    Ele também auxilia na formação das células vermelhas do sangue e no funcionamento do sistema imune.


    Sua deficiência implica na redução da formação de anticorpos e replicação de linfócitos.


    Selênio


    O selênio é um mineral antioxidante que auxilia a atenuar os danos causados pelos radicais livres e no bom funcionamento do sistema imune.


    Zinco


    O zinco é um mineral necessário para várias funções bioquímicas e com propriedade antioxidante. Ele auxilia no processo de divisão celular, manutenção de ossos, síntese proteica e auxilia no funcionamento do sistema imune.


    Biotina (Vitamina B7)


    A biotina, também conhecida como vitamina B7 ou H, auxilia no metabolismo energético e na manutenção das mucosas.


    Cianocobalamina (Vitamina B12)


    A vitamina B12 (Cianocobalamina) auxilia no metabolismo energético, no processo de divisão celular, na formação de células vermelhas do sangue e funcionamento do sistema imune.


    A resposta imune depende da replicação de células de defesa e da síntese de compostos ativos. Estes, por sua vez, possuem forte ligação com o estado nutricional.


    Por isso, é necessário que os nutrientes corretos sejam ofertados ao organismo, para que ele possa, de forma natural, reforçar suas defesas contra agentes patógenos.

    Tabela nutricional

    immune-blue

    Pergunte e veja opiniões de quem já comprou

    NOME FANTASIA: NUTRIBLUE - RAZÃO SOCIAL: NUTRIBLUE COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS LTDA R. Henrique Lage, 503 - Centro, Criciúma - SC, 88801-010 CNPJ: 23.532.848/0001-67

    Preços e condições de pagamento exclusivos para compras via internet. Ofertas válidas até o término de nossos estoques para internet. Vendas sujeitas à análise e confirmação de dados. Em caso de divergência de preços no site, o valor válido é o do Carrinho de Compras. Os valores dos produtos podem ser alterados no site a qualquer momento, sem aviso prévio. ® 2019 Nutriblue – Todos os direitos reservado